Reflexos, da autoria do cón. Manuel Maria, em destaque no Ser Igreja – Programa já disponível

Oiça na íntegra o programa da 3ª semana de Novembro

Reflexos, o novo espaço mensal de reflexão sobre temas sempre actuais, da responsabilidade do cón. Manuel Maria Madureira da Silva, estará em destaque no programa Ser Igreja desta terceira semana de Novembro.

No programa desta semana pode também ouvir o Pórtico (a nota da semana), o Espiga Doirada (espaço informativo) e ainda o espaço Palavra na Vida (Leitura e Comentário do Evangelho do próximo Domingo).

Não perca este interessante programa que será emitido nesta sexta-feira, a partir das 23h, nas seguintes rádios do Alentejo: Rádio Sim Alentejo em 97.5 FM; Rádio Despertar (Voz de Estremoz) em 94.5 FM; Rádio Campanário (Voz de Vila Viçosa) em 90.6 FM; e Rádio Telefonia do Alentejo (Évora) em 103.2 FM.

O programa será também emitido no próximo domingo, às 11h, nas seguintes emissoras: Rádio Elvas, Rádio Campo Maior e Rádio Nova Antena (Montemor-o-Novo).

Contudo, esta emissão pode também ser ouvida on-line na página oficial da Arquidiocese de Évora em dioceseevora.pt ou na página de Facebook da Arquidiocese de Évora ou clique aqui.

17 de Novembro: Instituto Superior de Teologia de Évora celebra 40 anos de história

O ISTE – Instituto Superior de Teologia de Évora, criado em 1977, celebra, este ano, o 40.º aniversário.
O Conselho Directivo decidiu celebrar esta data no dia 17 de Novembro de 2017, tendo elaborado o seguinte programa:
10.00h – Sessão solene, no auditório da Fundação Eugénio de Almeida, seguida de uma conferência sobre O ensino da Teologia em Portugal nas últimas décadas, a cargo do Doutor Jorge Teixeira da Cunha, da Universidade Católica Portuguesa – Porto.
12.00h – Eucaristia na Igreja do Espírito Santo.
13.15h – Almoço no refeitório do Seminário Maior de Évora. No final, actuará um grupo de cantares alentejano.

O ISTE continua com “vitalidade”

“É uma data que queremos assinalar, até porque é um número redondo, e é bom não deixar passar estes aniversários”, referiu o cónego José Morais Palos, presidente do Conselho Directivo do ISTE, ao programa radiofónico diocesano “Ser Igreja”.
“Pode-se dizer com segurança que, de facto, os objectivos iniciais do ISTE se mantêm, porque é o Instituto que dá formação académica e doutrinal aos futuros padres. É o Instituto também que tem promovido a actualização do Clero das três Dioceses do sul de Portugal e até, nos últimos dois anos e em 2018 também assim será, contamos com o clero da Diocese de Setúbal. É o Instituto que promove diversas jornadas, diversos encontros de formação. É o Instituto que proporciona cursos de formação teológica para leigos e também para membros dos Institutos Religiosos”, explicou o Presidente do Conselho Directivo, que acrescentou que “passados estes 40 anos, posso afirmar que o ISTE se mantém fiel aos seus princípios e continua com vitalidade”.
“Apesar do compromisso que existe ser com os candidatos ao sacerdócio das Dioceses do sul, é curioso constatar que ao longo dos anos tivemos também candidatos de outros lugares geográficos, de outras Dioceses, nomeadamente de Bragrança, Diocese de Ongiva (Angola), Dioceses de Dili e Baucau de Timor. De há uns anos para cá e actualmente temos candidatos das Dioceses de Cabo Verde, Mindelo e Santiago. Já tivemos alunos da Ucrânia e vamos ter mais. E nos últimos anos recebemos alunos que frequentam o Seminário Redemptoris Mater, que são de diversas proveniências desde a Itália e, de países da América Latina. Portanto, a dimensão do ISTE está muito mais alargada”, sublinhou o responsável.
No presente ano lectivo, o ISTE conta com 44 alunos no curso de Teologia, oriundos das Dioceses do Sul – Évora, Beja e Algarve, das Dioceses de Santiago e de Mindelo de Cabo Verde e prevê-se “que no segundo semestre se inscrevam mais 4 alunos. Se tudo correr bem, esperamos chegar ao final do ano com 48 alunos no sexénio de Teologia, o que é um número considerável”, apontou o Cónego José Morais Palos, que sublinhou a renovação do protocolo já no corrente ano de 2017 com a Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa.
No corrente ano lectivo, o ISTE está também a promover um curso de formação teológica para leigos, às terças-feiras à noite, que conta com cerca de 50 alunos, sendo que actualmente as vagas para este curso, que durará até 2019, estão todas preenchidas.

Há quatro Seminários a funcionar na Arquidiocese de Évora

A Igreja Católica está celebrar até 19 de Novembro, a Semana dos Seminários, apresentando estas instituições como “sinal da esperança para a Igreja e para o mundo”.

Actualmente na Arquidiocese de Évora funcionam os seguintes Seminários: Maior e S. José de Vila Viçosa (Menor), Redemptoris Mater e Salesiano.

A comunidade do Seminário Maior de Évora está neste ano formativo constituída por 24 seminaristas e três padres formadores. Os seminaristas são de várias procedências: 10 cabo-verdianos, 5 eborenses, 4 algarvios, 3 de Beja e 2 ucranianos. O Projecto Comunitário para o ano tem como objectivo geral: “Viver e testemunhar a alegria do dom da vocação”.

O Seminário de S. José (Menor), situado em Vila Viçosa, “acompanha os jovens do Pré-Seminário, que vivem em suas casas e mensalmente se reúnem em Vila Viçosa num encontro de fim de semana”, informou o vice-Reitor, Pe. Ricardo Cardoso.

O Seminário diocesano Redemptoris Mater, do Caminho Neo-Catecumenal, que “nasceu” em 2012 em Évora, conta este ano com 11 seminaristas: 2 de Espanha; 2 do Brasil; 2 da Costa Rica; 1 de Portugal; 1 da Venezuela; 1 da Colômbia; 1 da República Dominicana; e 1 de Guam (Ilha no Pacífico). “No seminário residem 9, sendo que um dos seminaristas brasileiro está em missão e o venezuelano está para chegar”, informou o reitor Pe. José Gomes Sousa.

Em Agosto de 2012, a Casa Salesiana de Évora passou a ser também residência e casa de formação para os seminaristas salesianos que frequentam o curso de teologia. Presentemente os seminaristas salesianos nesta situação são seis, todos eles provenientes de Timor-Leste: 2 frequentam o 1º ano de teologia, 2 frequentam o 3º ano e dois frequentam o 4º ano. Todos eles fazem os estudos teológicos no Instituto Superior de Teologia de Évora e simultaneamente continuam a sua formação salesiana na Comunidade Salesiana de Évora, de que fazem parte.

Em virtude de um protocolo estabelecido entre a Província Portuguesa Salesiana e a Província Salesiana de Timor-Leste, estes jovens salesianos fazem em Portugal os estudos teológicos e, após a ordenação sacerdotal, permanecem em Portugal mais 4 anos. Terminado este período, podem optar pelo regresso a Timor ou pela sua inserção na Província Portuguesa.

Recorde-se que como tem sido habitual na Arquidiocese de Évora, decorre, neste dia 16 de Novembro, pelas 21h, na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora (Salesianos – Évora), uma Vigília de Oração por ocasião da Semana dos Seminários.

16 de Novembro: Arquidiocese de Évora celebra Semana dos Seminários com Vigília de Oração

A Igreja Católica vai celebrar de 12 a 19 de Novembro, a Semana dos Seminários, apresentando estas instituições como “sinal da esperança para a Igreja e para o mundo”. 

O presidente da Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios, D. António Augusto de Azevedo, refere na sua mensagem para esta iniciativa que a semana dedicada aos seminários é uma ocasião “privilegiada” para valorizar o papel formativo dos mesmos. 

A Semana dos Seminários de 2017 tem como lema ‘Fazei o que Ele vos disser’, inspirado numa passagem do Evangelho, as bodas de Caná. 

D. António Augusto de Azevedo desafia os católicos a terem maior consciência da “importância do seminário como lugar indispensável para a formação dos futuros pastores da Igreja”.

Os materiais que servem de suporte a estas celebrações a nível nacional foram desenvolvidos pela primeira vez pelo Seminário Episcopal de Angra, Açores.  

Como tem sido habitual na Arquidiocese de Évora, decorrerá, no dia 16 de Novembro (quinta-feira), pelas 21h, na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora (Salesianos – Évora), uma Vigília de Oração por ocasião da Semana dos Seminários. 

A Vigília terá o mesmo lema da Semana dos Seminários, “Fazei o que ele vos disser”, e será um momento de oração pelos por todos os  Seminários, nomeadamente pelos que estão presentes na Arquidiocese de Évora: Seminário Maior e Menor, Seminário “Redemptoris Mater” e Seminário Salesiano. 

16 de Novembro: 26º aniversário da morte de Monsenhor João Luís de Carvalho

No dia 16 de Novembro  completa-se o vigésimo sexto aniversário da morte de Monsenhor João Luís de Carvalho, Fundador da Obra de S. José Operário e do Cenáculo das Cooperadoras Apostólicas.  

Por este motivo, haverá nesse dia uma celebração eucarística, às 18 horas, na igreja de S. Mamede (Évora) e no dia 19 de Novembro (domingo) uma romagem ao seu túmulo, no Cemitério dos Remédios, após a missa, às 15 horas, na igreja de Nª Srª Auxiliadora (Salesianos).  

17 a 19 de Novembro: Casarão recebe o CAFÉ – Curso de Aprofundamento da Fé

Entre os dias 17 e 19 de Novembro, no Casarão, novo espaço da Pastoral Universitária de Évora, decorre o CAFÉ – Curso de Aprofundamento da Fé, que será orientado pelo Padre Nuno Tovar de Lemos, da companhia de Jesus.

19 de Novembro: I Dia Mundial dos Pobres assinalado na Arquidiocese de Évora

O Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização (Santa Sé) preparou um conjunto de subsídios para a semana que antecede o I Dia Mundial dos Pobres, criado pelo Papa Francisco, pedindo que as comunidades católicas abandonem uma atitude “passiva” neste campo.
“A Igreja não pode ser uma espectadora passiva diante do drama da pobreza, nem os cristãos podem contentar-se com uma participação esporádica e fragmentária para fazer calar a consciência”, escreve o presidente do organismo da Cúria Romana, D. Rino Fisichella, citado pela Agência Ecclesia.
A celebração de 19 de novembro, penúltimo domingo do ano litúrgico na Igreja Católica, é proposta pelo Papa como ocasião de “verdadeiro encontro com os pobres”, para “dar lugar a uma partilha que se torne estilo de vida”.
D. Rino Fisichella realça que o Papa Francisco “quis dar o exemplo paradigmático de São Francisco de Assis”, o qual “não se contentou com abraçar o leproso e dar-lhe esmola, mas compreender que a verdadeira caridade consistia em estar junto dele”.
“A cultura do encontro resolve-se na partilha, em que o outro já não é um estranho, mas é olhado e tratado como um irmão que precisa de mim”, acrescenta o arcebispo italiano.
A celebração tem como lema ‘Não amemos com palavras, mas com obras’.
“O pobre pode entrar em casa, quando, de dentro da casa, se compreendeu que a ajuda é a partilha”, observa o presidente do Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização.
O Papa vai presidir à Missa na Basílica de São Pedro, neste I Dia Mundial dos Pobres, a partir das 10h00 (menos uma em Lisboa).

Várias iniciativas na Arquidiocese de Évora

O Dia Mundial dos Pobres é também assinalado na Arquidiocese de Évora com várias iniciativas, promovidas pelas Caritas Arquidiocesana, pela Pastoral Universitária e pelas Paróquias. Desta forma, decorrem as seguintes acções:
– Dia 15 de Novembro, a Paróquia de Santo André de Estremoz realiza uma Peregrinação a Vila Viçosa; e a Pastoral Universitária promove, às 21h30, no Casarão, a iniciativa “À conversa com”, que terá intervenções de Maria Teresa (Pão e Paz), de Luís Rodrigues (Caritas) e de Sofia Melo Breyner (Refood);
– Dia 16 de Novembro, a Paróquia de Santo André realiza uma Peregrinação a Vila Viçosa; e a Pastoral Universitária promove, às 21h, no Casarão, a projecção do filme “I, Daniel Blake”, de Ken Loach;
– Dia 17, a Paróquia de Vendas Novas realiza, às 21h, a iniciativa “Conversas Solidárias”;
– Dia 19 de Novembro, em todas as Paróquias da Arquidiocese será celebrada a Eucaristia do Dia Mundial dos Pobres; na Paróquia de Alandroal haverá decoração de Lápis pelos Catecúmenos; e na Paróquia de Alcáçovas, realizar-se-ão visitas pelos Voluntários;
– Dia 24 de Novembro, a Caritas Arquidiocesana celebrará o seu aniversário;
– Dia 26 de Novembro, na Catedral de Évora, na Eucaristia da solenidade de Cristo Rei, decorrerá a entrega da Luz da Paz.

19 de Novembro,17h: Concerto de Homenagem a todos os Santos e fiéis defuntos na Sé de Évora

O nosso património cultural tem na música sacra um significativo expoente. Sempre a música serviu de instrumento para exprimir os sentimentos mais profundos do coração humano, pelo que ainda hoje nos sentimos todos tocados interiormente quando ouvimos peças musicais, mormente quando são interpretadas nos seus contextos originais. É o caso das peças que integrarão o concerto, criadas para a liturgia centrada na celebração da morte. Todas elas interpretam esta realidade humana à luz cristã, ou seja, despertam a esperança e a confiança perante um mistério que aparentemente é destruidor da vida e consequentemente gerador de medo e revolta.
Sendo o mês de Novembro o que melhor representa o Outono, desde muito cedo se associou Outono e fim de vida. Por isso, se destinou para este tempo a homenagem aos nossos familiares defuntos, com toda a simbologia que rodeia as nossas manifestações afectivas.
É precisamente o que se pretende com este concerto de órgão e coro no próximo domingo, dia 19 de Novembro, pelas 17.00h. A entrada é livre.

23 a 26 de Novembro: 159º Curso de Cristandade de Homens

Irá a decorrer entre 23 e 26 de Novembro de 2017, na Casa das Irmãs Concepcionistas ao Serviço dos Pobres, em Elvas, o 159º Curso de Cristandade de Homens. A equipa de leigos será dirigida pelo Reitor Saúl Quintas e espiritualmente será dirigida pelo Padre Ricardo Lameira.

O Encerramento decorre na Igreja do Salvador, em Elvas, com início pelas 18h do dia 26 de Novembro, sob presidência do Arcebispo de Évora D. José Alves.

25 de Novembro: Samora Correia recebe o “Praying Challenge”

No próximo dia 25 de Novembro, pelas 21h30, a Paróquia de Samora Correia recebe a iniciativa de oração “Praying Challenge”, promovida pelo Departamento da Pastoral Juvenil da Arquidiocese de Évora.