19 de novembro: Dia Diocesano congregou 600 jovens em Coruche (Com fotos e Podcast)

A Jornada Diocesana da Juventude decorreu no dia 19 de novembro, em Coruche. Vindos de todas as paróquias da diocese, cerca 600 jovens participaram ativamente num dia repleto de atividades, experienciando o encontro com Cristo Vivo.

Em declarações à reportagem do Ser Igreja Évora, o Arcebispo de Évora, D. Francisco Senra Coelho destacou “a onda juvenil que ressalta à vista, que congrega cerca de cinco centenas de jovens oriundos de toda a Arquidiocese, com um olhar vivo, pois eles querem encontrar o sentido da vida”.

“Os jovens querem encontrar a verdade. E, por isso, fiquei impressionado com o testemunho de um jovem, o Lourenço, estudante de medicina com um doença neurológica, que circula com as suas canadianas e com uma cadeira de rodas, sobre o tema “Levanta-te”: não fiques acomodado, não desistas, não desanimes, assume-te, levanta-te, dá-te, alguém precisa de ti… e as JMJ colocam este grande desafio de nos levantarmos e irmos ao encontro”, partilhou o Prelado eborense.

“Vivemos uma Jornada muito feliz, muito real, verdadeira e transparente, onde há propostas de compromisso. E sem compromisso não há esperança”, sublinhou D. Francisco Senra Coelho, cujas declarações pode ouvir na íntegra no Podcast d’Esperança já disponível no site dioceseevora.pt.

Em declarações ao Departamento diocesano da Pastoral Juvenil, Patrícia Martins, membro do grupo de jovens de Coruche, afirmou que organizar este dia foi muito desafiador, mas foi com muita alegria que viram os sorrisos nos rostos de todos os participantes, considerando que a jornada diocesana superou as expectativas. Realçou o excelente acolhimento da população a todos os jovens.

A Margarida Cardador, do departamento das atividades pastorais do COD ÉVORA, enviou-nos o seu testemunho sobre a preparação da jornada: “Horas passadas em reuniões, em planeamentos e burocracias – tudo vale a pena quando todo esse trabalho culmina no dia de hoje. A organização revelou-se, de alguma forma, desafiante para mim, pois nunca tinha participado no planeamento de algo desta dimensão. Tudo se tornou mais fácil ou não fosse a equipa a que pertenço repleta de entusiasmo e dedicação, bem como as restantes equipas do DPJE, que contribuíram para o seu sucesso. Pude perceber, no rosto de cada jovem, o entusiasmo de viver a vida em Cristo, num ambiente de companheiros, amizade, entreajuda e partilha. Em Cristo e com Cristo tudo vale a pena e hoje recebi muito mais do que possa ter dado.”

Neste dia, decorreu também a divulgação do resultado do concurso da t-shirt que irá representar a diocese na JMJ. Catarina e Ana Rita, do grupo de jovens de Vendas Novas, que obteve o primeiro lugar, referiram que a frase escolhida “Venho como um peregrino da paz e um apóstolo da esperança!” foi inspirada na mensagem que pretendem transmitir: participar na JMJ como peregrinos e apóstolos de Cristo! Em segundo e terceiro lugares ficaram as t-shirts dos jovens dos Salesianos e do grupo de jovens de Coruche, respetivamente.

A Catarina Oliveira partilhou connosco o que foi para si viver este dia: “Nunca tinha participado numa jornada diocesana, portanto não criei expectativas. Sabia que teria momentos de convívio aliados à oração, mas não imaginava um dia tão rico como o que experienciei hoje. Desde o testemunho do Lourenço (que decerto mudou a minha perspetiva em relação ao modo como encaro o quotidiano), ao momento de missão, em que, em conjunto com o grupo dos Canaviais, enchemos as ruas de Coruche de música, ao terço rezado em comunhão, até a um dos pontos altos do dia – o concurso das t-shirts. Ver aquilo que outrora fora um esboço materializado numa camisola física, vencedora do concurso – e que por isto será usada por toda a diocese de Évora – traz não só uma enorme felicidade como um grande orgulho, principalmente em saber que o Grupo de Jovens de Vendas Novas contribui com mais uma engrenagem para esta grande máquina que é a Jornada Mundial da Juventude. Foi, acima de tudo, um dia inesquecível, e uma experiência que espero poder tornar a viver.”

A Jornada Diocesana da Juventude terminou com a celebração da Eucaristia onde um jovem do Seminário de Nossa Senhora da Purificação – Maior de Évora e três jovens do Seminário diocesano Redemptoris Mater de Évora, ligado ao carisma neocatecumenal, foram instituídos, um como acólito e três como leitores, ministérios que fazem parte do percurso a caminho do diácono e posteriormente do presbiterado.

 


Oiça as declarações do Arcebispo de Évora na íntegra no seguinte Podcast d’Esperança:

 

Em declarações à reportagem do Ser Igreja Évora, alguns dos jovens participantes testemunharam a alegria e a riqueza de viver esta Jornada Diocesana já em caminhada apressada para as JMJ Lisboa 2023. Oiça as declarações dos jovens na íntegra no seguinte Podcast d’Esperança:

 

 


FOTO-REPORTAGEM DE PAULO AZADINHO

 

 

Contactos