A caminho das JMJ: “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1, 39) – em atualização

O caminho de preparação em direção às Jornadas – tempo de oração, trabalho e celebração

INSCRIÇÕES

Já estão disponíveis todas as informações dos pacotes de inscrição para as JMJ 2023! Existem 3 modalidades com vários pacotes, de acordo com a duração da sua estadia em Lisboa.

A participação dos peregrinos na JMJ é gratuita, o que significa que cada pessoa pode participar livremente nos eventos centrais (Missa de Abertura, Acolhimento do Papa, Via Sacra, Vigília com o Santo Padre e Missa Final). Para peregrinos não inscritos, estarão disponíveis setores específicos. No entanto, por razões logísticas e de segurança, e também para ajudar a cobrir os custos organizativos, todos os interessados são convidados a inscrever-se na JMJ e a pagar a contribuição de participação. São ainda convidados a contribuir voluntariamente para o Fundo de Solidariedade, num gesto de solidariedade para com muitos outros jovens com menos possibilidades que desejam participar na JMJ.

Sessões de esclarecimento

Com o intuito de tirar as dúvidas sobre o processo das inscrições, o departamento da pastoral juvenil dinamizou ao longo do mês de novembro, 3 sessões de esclarecimento via on-line.
Estas sessões são direcionadas para todos os jovens da Arquidiocese, responsáveis de grupos de jovens e/ou Movimentos.

23PORMÊS

Tivemos a graça de contar com o testemunho de uma jovem do Cop-Montargil, sobre a participação na atividade do 23pormês.


– “No passado dia 23 de novembro decorreu o 23 por mês, organizado pelas Paróquias de Montargil e Foros de Arrão, com o tema “Adoração Eucarística com São João Paulo II”.
Foi São João Paulo II que em 1984, durante o seu pontificado, criou a JMJ (Jornada Mundial da Juventude), com o sonho de encontrar-se com jovens de todo o mundo.
É seguindo esse sonho que os nossos jovens se encontram na preparação para a JMJ Lisboa 23, sendo este um momento muito importante nesta caminhada.
Neste sentido, o 23 por mês foi um momento marcado por muita emoção onde jovens de todas as idades, destas e de outras paróquias, se juntaram em oração, diante da Senhora do Coração Orante.
Para mim, as palavras da noite foram amor e partilha . Sinto-me muito grata por ter participado nesta cerimónia tão bonita, e ter tido mais esta oportunidade de expressar a minha fé em comunidade”.
Ana Catarina Rosa- COP de Montargil e Foros de Arrão

Feiras municipais

Testemunho da participação do COP-Borba
na festa do vinho e da vinha

No decorrer da Festa do Vinho e da Vinha foi proposto aos jovens da paróquia de Borba a realização de uma atividade de promoção da JMJ.
Durante os cinco dias de festa realizamos atividades de convívio que tinham como objetivo dar a conhecer a paróquia e as atividades desempenhadas.
Em forma de complemento tivemos a oportunidade de angariar fundos para a deslocação no ano de 2023 para a jornada mundial da juventude através da venda de bolos e bebidas caseiras.
Através de pequenos concertos, organizados pelos jovens da paróquia, foi-nos possível alegrar o dia daqueles que por ali passavam.
Crianças, adultos e idosos visitaram os jovens da Paróquia e transmitiram-nos que aqueles momentos que passavam connosco eram bastante valorizados.
No nosso espaço da JMJ tínhamos diversos produtos relacionados com a mesma, como sweatshirts, t-shirts, terços, entre outros.
Foi uma atividade bastante enriquecedora esta que permitiu desenvolver algumas competências, nomeadamente a comunicação e a nossa relação com as pessoas e com Deus.
De forma global foi uma atividade bastante positiva e ficaria bastante feliz em repetir a mesma.

Testemunho da participação do COP
Vendas Novas na mostra de sopas

 

No passado dia 12 de novembro, estivemos na mostra de sopas em Vendas Novas, onde com a nossa banquinha de bolos estivemos a distribuir um pouquinho de doçura e, arriscaria dizer, um pouco de amor aos que por nós passavam.
Coordenar e motivar um grupo de jovens grande e heterogêneo não é tarefa fácil de todo, mas é algo que a COP de Vendas Novas tem tentado e conseguido com maestria, juntando-nos a todos com um grande objetivo e com uma força de vontade ainda maior.
Coordenar horários, esforços e pessoas é sempre um desafio mas é algo que nos aquece a alma, pois, desde os mais jovens até às pessoas de juventude acumulada, houve uma vontade e uma entreajuda que tornaram tudo possível e tornaram a nossa participação especial, não só no estar presencialmente a animar e a dar cara ao grupo e à missão que lá representavamos mas também no levar de bolos e com outras questões para que nós pudéssemos lá estar nesta grande missão.
No que respeita à minha experiência pessoal posso dizer que é um grande orgulho e alegria poder fazer parte de algo assim, o estar com as pessoas, ajudar o próximo e dar um pouco de mim para tornar tudo melhor. Saio sempre destas nossas pequenas experiências com a sensação de que todos juntos podemos mudar o mundo.
Quando falo assim parece que me refiro a um fim, a algo que está a terminar, mas não, falo com a certeza de que esta nossa pequena banquinha na mostra de sopas foi um pequeno passo numa caminhada que vem vindo a ser trilhada há já algum tempo, sendo que são estes pequenos passos importantes que nos mostram que o grupo está vivo e levam-nos a ver a vontade que todos nós temos de, em cada dia que passa, fazer sempre mais e melhor na caminhada rumo à JMJ2023.


Os Dias na Diocese

 

Na semana que antecede a JMJ, de 26 a 31 de julho de 2023, decorrem, em 17 dioceses de Portugal continental e ilhas, os “Dias nas Dioceses” (DND). Os DND pretendem integrar nas comunidades paroquiais das várias dioceses os jovens que chegam de todo o mundo. Durante os DND os jovens ficam a conhecer melhor a Igreja local e as especificidades da região que os acolhe. Ficam alojados em casas de famílias ou em instalações paroquiais ou públicas. Os DND são um caminho de preparação para a vivência da jornada, quer para os peregrinos, quer para a comunidade que recebe os jovens; são uma verdadeira experiência de Igreja, de evangelização e missão!
Os DND na diocese de Évora estão a ser preparados por COPs (Comité Organizador Paroquial), que atuam em quatro frentes e preparam tudo o que se relaciona com a vinda dos jovens peregrinos: programação geral, comunicação, logística e inscrições. São coordenados pelo COD (Comité Organizador Diocesano). Em Évora, o COP funciona junto à igreja de S. Francisco e as reuniões têm sido regulares e profícuas, estando todos muito empenhados e entusiasmados. Há pressa no ar!

 


JMJ 2023: Como funciona a organização da estrutura?

 

Sendo Lisboa o local escolhido para as próximas Jornadas Mundiais da Juventude, foi criado, pelo Cardeal-Patriarca de Lisboa – D. Manuel Clemente, o Comité Organizador Local (COL).
O COL é assim o órgão executivo da preparação e organização da JMJ Lisboa 2023 formado pelos Bispos Auxiliares de Lisboa D. Joaquim Mendes e D. Américo Aguiar e pelo secretário executivo Duarte Ricciardi.
Ao nível das dioceses de Portugal foi criado o Comité Organizador Diocesano (COD) que é a estrutura responsável por dinamizar no terreno o caminho de preparação para a JMJ Lisboa 2023. Assim cada diocese do país possui um COD e cada um com as suas equipas, que trabalham em articulação constante com o COL.
O COD da nossa Diocese (COD Évora) está composto pelas seguintes equipas: Coordenação, Secretariado, Atividades Pastorais, Conteúdo Digital, Redes Sociais, Finanças, Programação Geral, Logística, Inscrições, Voluntários, Espiritualidade e Parcerias.
Existem ainda os COD’s de Acolhimento DND que são responsáveis por preparar e dinamizar os Dias na Diocese e os COD’s de Acolhimento JMJ que irão apenas receber jovens peregrinos durante a semana de 1 a 6 de agosto.
E por último, Comité Organizador Paroquial (COP) que consiste em todas as paróquias que queiram receber jovens peregrinos durante os Dias na Diocese.
Estamos, desta forma, a remar todos para um objetivo comum: fazer acontecer este que é o maior encontro de jovens católicos do mundo!

 

Os Patronos da JMJ Lisboa 2023

A preparação, a realização e o dinamismo de cada Jornada Mundial da Juventude são confiados a patronos, santos e santas canonizados ou com esse processo em curso, referências para a comunidade jovem.
Para a JMJ Lisboa 2023, o Comité Organizador Local escolheu 13 patronos, mulheres, homens e jovens, nascidos na cidade que acolhe a JMJ ou que, naturais de outras geografias, são modelos para a juventude.
A preparação da JMJ Lisboa 2023 é também confiada a Patronos Diocesanos da Jornada Mundial da Juventude. Cada Diocese escolheu santos ou santas que são referências para o contexto de cada realidade diocesana e, pelo seu exemplo e proteção, ajudarão a caminhar até este grande encontro.
Para a Arquidiocese de Évora os santos patronos escolhidos são Santa Beatriz da Silva e São João de Deus.
Confiamos assim a todos os Patronos o caminho rumo à Jornada Mundial da Juventude 2023.

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

 

Oração JMJ

O caminho de preparação em direção à JMJ Lisboa 2023, está a ser vivido e celebrado em diferentes partes do mundo.
Na nossa Arquidiocese, as Paróquias, grupos de jovens e os vários Movimentos têm dinamizado diferentes atividades para fazer deste caminho um verdadeiro momento de encontro com Cristo e de crescimento para a Igreja.
Para que todos se possam preparar espiritualmente para este grande encontro, foi disponibilizada a oração oficial da JMJ, divulgada no mesmo fim-de-semana em que os jovens portugueses receberam, no Vaticano, os símbolos da JMJ.
Esta oração, juntamente com o hino, o tema e o logótipo, foi criada a partir do tema da JMJ Lisboa 2023 – “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1, 39) – para, juntamente com Maria, caminharmos até ao Evangelho Vivo.
Pretende-se também que a JMJ seja ocasião de encontro, testemunho e partilha, convivência e ação de graças.
E tu? Já rezaste pela JMJ Lisboa 2023?

 

_______________________________________________________________________________________________________________________________

Tema, hino e logótipo

«Maria disse, então: “Eis a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra.” E o anjo retirou-se. Por aqueles dias, Maria pôs-se a caminho e dirigiu-se à pressa para a montanha, a uma cidade da Judeia. Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel.» Lc 1, 38-40
O Papa Francisco escolheu para tema da JMJ 2023 “Maria levantou-se e partiu apressadamente”, uma passagem do Evangelho de S. Lucas relativa à visita da Virgem Maria à sua prima Isabel, mãe de S. João Baptista. Maria, mãe de Jesus, é quem ensina a dizer SIM a Deus, é quem impele a levantar e partir apressadamente, como missionários empenhados, ativos, evangélicos, sendo testemunhas da presença de Cristo Vivo.
É baseado nesta atitude de Maria que surge o hino para a JMJ 2023, intitulado “Há pressa no ar”. Este hino foi escrito por João Paulo Vaz, sacerdote, e musicado por Pedro Ferreira, professor e músico. Os arranjos ficaram a cargo do músico Carlos Garcia. O hino das JMJ 2023 incita os jovens a identificarem-se com Maria, a colocarem-se ao serviço e a transformarem o mundo. É um hino alegre, que invoca a festa e a alegria na relação com Deus.
O logótipo da JMJ 2023 apresenta uma cruz atravessada por um caminho, onde surge Maria e o Espírito Santo. É da autoria da designer Beatriz Roque Antunes, que refere tratar-se de “um convite aos jovens para que não se acomodem e sejam protagonistas na construção de um mundo mais justo e mais fraterno”. As cores do logótipo evocam a bandeira portuguesa.

_______________________________________________________________________________________________________________________________

Afinal… o que é uma Jornada Mundial da Juventude?

 

“Confessai Cristo como Senhor, sempre dispostos a dar razão da vossa esperança a todo aquele que vo-la peça” (1Pe 3, 15) – Foi com este tema que o Papa São João Paulo II apresentou a primeira edição da Jornada Mundial da Juventude aos Jovens em Roma, no ano de 1986. Foi instituída pelo mesmo, no ano anterior, e queria que a Jornada Mundial da Juventude acontecesse todos os anos no Domingo de Ramos como um encontro de dioceses e também a cada dois ou três anos como um encontro internacional, num lugar previamente estabelecido.

Mas o que é realmente a Jornada Mundial da Juventude?
A Jornada Mundial da Juventude (JMJ) é um encontro dos jovens de todo o mundo com o Papa. É um evento com duração de cerca de uma semana onde o objetivo é celebrar, aprender sobre a fé católica e não menos importante, construir pontes de amizade entre os povos e as nações de todo o mundo.
Acontece a cada dois/três anos, numa cidade escolhida pelo Papa e é aberta a todos, quer estejam mais ou menos próximos da Igreja.
Para além de todos os momentos de oração, lazer e partilha que acontecem nestes dias, existem ainda algumas iniciativas organizadas pela equipa da JMJ: Os “Dias nas Dioceses” e as celebrações a que chamamos de “Atos Centrais”.
Os “Dias nas Dioceses” também chamados como a “Pré-Jornada”, é uma etapa que antecede a semana da JMJ e que consiste na integração dos jovens nas várias regiões do país. Durante esses dias os jovens convivem com as famílias que os acolhem, para além de participarem nas atividades dinamizadas em cada diocese.
Já os “Atos Centrais” decorrem durante a semana das JMJ e incluem todas as atividades programadas na cidade sede: a cerimónia de acolhimento e abertura, a via-sacra, a vigília, catequeses, música, arte… e no último dia, a missa de envio.
A próxima edição será em 2023 em Lisboa de 1 a 6 de agosto, que tem como lema a citação bíblica escolhida pelo Papa Francisco: “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1, 39).
Estamos, assim, em contagem decrescente. Contamos contigo, neste que é o maior evento organizado pela Igreja Católica!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________________________________________________________________________________________________________________________________

Dia da Igreja Diocesana 2022

No passado dia 5 de outubro, tivemos a graça de viver o Dia da Igreja Diocesana. Este dia, marcado pelo reencontro físico após dois anos de pandemia, foi um momento de Esperança e Alegria para toda a Arquidiocese.
Alguns jovens estiveram presentes no arranque do Ano Pastoral em que se vive a próxima Jornada Mundial da Juventude, de 1 a 6 de agosto de 2023.
O Departamento da Pastoral Juvenil/COD Évora dinamizou uma sessão dedicada aos jovens e às equipas que estão envolvidas na preparação deste grande encontro com o Papa. Durante este período a equipa apresentou a estrutura do evento, deu a conhecer o ponto de situação atual dos trabalhos e apresentou as atividades previstas para o próximo Ano Pastoral.
Esta bonita manhã culminou no envio da réplica da Cruz Peregrina da Jornada Mundial da Juventude para a Paróquia do Torrão. A réplica da Cruz que recebemos durante o mês de janeiro de 2022 na Arquidiocese, parte agora em Peregrinação por todas as Paróquias.
“Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1, 39) é a citação bíblica que está na base do tema deste novo Ano Pastoral. Também nós, jovens da Arquidiocese, queremos partir apressadamente rumo à Jornada Mundial da Juventude e a um mundo mais justo e mais fraterno.
Contamos contigo!

 

Contactos