Assembleia Diocesana da Mensagem de Fátima

Dia 1 de dezembro passado voltou a realizar-se no Seminário Maior de Évora a assembleia diocesana do Movimento da Mensagem de Fátima desta diocese. Foi uma manhã de encontro em que os mensageiros, além de partilharem as suas experiências nas respetivas paróquias, foram convidados a uma maior abertura e acolhimento àqueles com quem se cruzam, adotando uma atitude semelhante à de Nossa Senhora.
D. Francisco Senra Coelho fez uma reflexão tendo por mote o lema deste ano pastoral do movimento: Maria levantou-se e partiu apressadamente. O prelado urgiu cada um dos presentes a erguer-se, recordando que essa é a atitude da Ressurreição e que continuamente, ao longo da história da salvação, os crentes são convidados a levantarem-se caminhando orientados pela Luz que é Jesus Cristo, como fez Maria “qual girassol sempre orientado para a sua Luz”. Quanto ao partir, D. Francisco recordou que é mais uma atitude de vigilância nos ambientes em que nos encontramos inseridos. Regra geral não é necessário percorrer grandes distâncias para se fazer presente na vida de alguém, uma vez que aqueles que precisam de carinho e atenção podem estar bem próximos e um sorriso, uma palavra amiga, ainda que por mensagem ou telefone quando o encontro pessoal não é possível, podem fazer toda a diferença.
O Arcebispo de Évora lançou também ao movimento o desafio de que cada grupo de mensageiros junte às suas preces a grande intenção da província eclesiástica do sul, neste Triénio: rezar pelas vocações (sacerdotais, consagradas e matrimoniais).