Escutismo: Celebrar o aniversário na «segurança do lar» de cada escuteiro

Devido ao COVID-19, CNE promove primeiro acantonamento nacional em casa

 

(ECCLESIA) – O aniversário do Corpo Nacional de Escutas (CNE) vai ser celebrado, de 22 a 24 deste mês, com “muitas atividades e diversão”, na segurança do lar de cada escuteiro.

Em tempos de COVID-19, na celebração do 97º aniversário do CNE, os “mais de 70 mil escuteiros portugueses são desafiados” a viver o primeiro ACANTONAC, “uma atividade que promete mostrar que o escutismo é um movimento capaz de se adaptar e renovar em qualquer época ou situação”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Tendo por base a ideia de um ACANAC (Acampamento Nacional), surge o ACANTONAC (proveniente de “acantonamento”, uma atividade escutista onde os escuteiros pernoitam dentro de casa em vez de pernoitarem em tenda) e é a “primeira vez que algo do género é feito e vem responder a uma das principais necessidades da maior associação de jovens do país: criar uma oferta educativa de âmbito nacional, durante a pandemia, que una a associação em torno do seu aniversário e que mantenha a ligação entre os jovens e o movimento”.

Para o ACANTONAC estão agendadas atividades para serem realizadas na segurança do lar e, ainda assim, aproximar os participantes.

Os escuteiros são chamados “a cumprir desafios escutistas” a partir das suas casas e desde a “criação de abrigos até à ginástica matinal, jogos de códigos, e até mesmo de um fogo de conselho (a grande festa final de cada acampamento), a organização promete levar a cada um momentos simbólicos da vivência escutista”, sublinha a nota.

Numa parceria com a Cáritas Portuguesa, para a celebração dos 97 anos do CNE, foi criada uma insígnia, que todos os escuteiros poderão adquirir, e que marca a sua participação no 1º ACANTONAC e a “totalidade dos fundos angariados nesta ação” vão reverter a favor da Cáritas Portuguesa.

Para os escuteiros acima dos 18 anos, está reservada ainda uma outra “ação especial”: na impossibilidade da habitual recolha de alimentos em supermercados pelo Banco Alimentar Contra a Fome (BACF), estes escuteiros e adultos vão fazer, nas suas sedes, uma angariação de alimentos, uma ação que está a decorrer de 16 a 28 deste mês.

Luís Filipe Santos

 

Contactos