Évora: Paróquia de Nossa Senhora de Fátima inaugura mural que assinala a experiência da pandemia

Desejando deixar um registo da experiência individual e colectiva que tem sido a pandemia por Covid-19, a Paróquia de Nossa Senhora de Fátima promoveu a pintura de um mural de 15 metros, a que chamou “As mãos e a luz”, inaugurado no passado dia 28 de Junho.
E quis fazê-lo pela positiva. Não dando rosto à dor, ao isolamento, à doença e à morte; mas pelo lado luminoso que este momento também fez germinar nas comunidades: a generosidade, a entreajuda, a comunhão. As Obras de Misericórdia são, na perspectiva cristã, a operacionalização do dever de caridade; de cuidado do próximo. Dar de comer a quem tem fome; Dar de beber a quem tem sede; Vestir os nus; Dar pousada aos peregrinos; Visitar os enfermos; Visitar os presos; Enterrar os mortos.
Esta formulação evangélica diz-se hoje com palavras como solidariedade ou responsabilidade social. Mas o essencial permanece: sermos humanos compromete-nos uns com os outros. E nos momentos mais dramáticos que atravessamos, é isso que nos salva e redime.
O mural foi concebido e executado por João Parreira e Sílvia Mendes.

 

Contactos