Palavra do nosso Arcebispo: “A NOSSA VIDA É UM GRITO SILENCIOSO”

No próximo dia 15 de Agosto, Solenidade da Assunção de Nossa Senhora, as nossas muito estimadas Monjas de Belém, da Assunção da Virgem e de S. Bruno, a residirem no Mosteiro de Nossa Senhora do Rosário, ainda em construção, na Herdade de Vale de Côvo, freguesia e Paróquia de S. António do Couço, Concelho e Vigararia de Coruche, celebram 20 anos da fundação do Mosteiro Nossa Senhora Vestida de Sol, em Sesimbra e da sua providencial vinda para Portugal.

Convido toda a Comunidade Diocesana para, em união com o seu Bispo e Presbitério, louvarmos o Senhor por mais este Carisma Contemplativo, grande Dom para a Sua Igreja, nascido em Roma no dia 1 de novembro do ano de 1950, quando o Papa Pio XII proclamou o Dogma da Assunção da Imaculada Virgem Maria e agora felizmente presente na nossa Arquidiocese de Évora. Unamo-nos às suas duas celebrações Eucarísticas campais, de clausura aberta, e peçamos ao Belo e Bom Pastor a consolidação desta obra e o Dom das vocações monásticas.

No próximo ano 2023, teremos a alegria de celebrar o décimo aniversário da sua chegada à nossa Arquidiocese, em pleno Pontificado do meu antecessor Dom José Alves. Preparemo-nos para isso!

Através das Monjas de Belém, o nosso Magnificat por todos os contemplativos, semi-contemplativos e todos os Consagrados presentes na nossa Igreja Diocesana. Obrigado!

+ Francisco José Senra Coelho, Arcebispo de Évora 

Contactos