Pandemia: Comunidades da Arquidiocese de Évora em notícia

Notícias de 15 de fevereiro de 2021:

O Conselho de Administração da Fundação Obra de S. José Operário informou que o surto de Covid-19, que eclodiu no lar da instituição, está “resolvido”.

Recorde-se que foi no passado dia 25 de janeiro que foi detetado o surto de Covid-19 no lar da Fundação, tendo este infetado mais de 40 pessoas.

No período de três semanas, “temos a lamentar, (…) o falecimento de dez dos nossos queridos utentes, ainda que simultaneamente portadores de outras debilidades,” esclarece a administração. No entanto, num comunicado feito pelo Presidente da Câmara de Évora, no passado dia 04 de fevereiro, foi assegurado que, pelo menos, três óbitos deste surto foram devido à Covid-19.

A Administração deixa um agradecimento a todos “os Colaboradores, Familiares e Amigos que, de uma forma ou de outra, se disponibilizaram para nos ‘dar a mão'”.

Entretanto, no dia 9 de fevereiro, o Lar do Centro Social Paroquial Santo António de Lavre, em Montemor-o-Novo, informou que os utentes e funcionárias infetadas com o Covid-19 (à exceção duma funcionária que está em casa) tiveram alta clínica.


Notícias de 4 de fevereiro de 2021:

O Reverendo P. Damião Rogério de Almeida Ramos, que é Pároco de Nossa Senhora da Graça (Azervadinha), São João de Deus (Biscaínho), Nossa Senhora da Conceição (Branca), São Pedro (Rebocho) e Santana do Mato e Capelão da Santa Casa da Misericórdia de Coruche, testou positivo para COVID-19.
“Continuemos a rezar por estas Comunidades Paroquiais e pelas rápidas melhoras e total restabelecimento da saúde do Pároco”, pede o Arcebispo de Évora.

Entretanto, chegou a boa notícia que o surto de Covid-19 no Lar Nossa Senhora do Paço, em Barbacena, que infetou 28 pessoas, entre utentes, funcionários e religiosas já está resolvido. Neste lar, da Comunidade Santa Beatriz da Silva, da congregação das Irmãs Concepcionistas ao Serviço dos Pobres, estiveram infetados com o novo coronavírus SARS-CoV-2 um total de 15 utentes, oito funcionários, as quatro religiosas pertencentes à instituição, assim como o seu capelão, o P. António Carlos. Dos 28 infetados, 26 já recuperaram e há a lamentar 2 óbitos entre os utentes.

Do Mosteiro da Imaculada Conceição de Campo Maior também chegam boas notícias. As 14 Irmãs da Ordem da Imaculada Conceição, em Campo Maior, que foram infectadas com Covid-19, já estão a recuperar, sendo que apenas duas são visitadas diariamente por uma equipa médica do Hospital de Évora.
“Agradecemos as orações e a proximidade de todos e continuamos a pedir que rezem por nós. Nós não nos esquecemos dos nossos queridos irmãos e irmãs da Arquidiocese, e também rezamos por todos nestes momentos difíceis para toda a humanidade”, escrevem as Irmãs da Ordem da Imaculada Conceição em missiva enviada ao Departamento diocesano de Comunicação Social.


Notícias de 29 de janeiro de 2021:

O Reverendo P. Elias Paulo Tulungameni que é  Vigário Paroquial para as Paróquias de Santa Maria do Castelo (Alcácer do Sal), Santiago (Alcácer do Sal), Santa Catarina de Sítimos, São João Batista (Palma), São Martinho (Casebres) e Nossa Senhora do Monte (Vale de Guizo), testou positivo para COVID-19.

“Continuemos a rezar pela Comunidade Paroquial de Alcácer do Sal e pelas rápidas melhoras e total restabelecimento da saúde do seu Vigário Paroquial, Reverendo P. Elias”, pede o Arcebispo de Évora que apela “à comunhão de oração com esta Paróquia por tão importante intenção”.

D. Francisco José Senra Coelho pede ainda orações pelo surto no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Benavente, lamentando os óbitos já registados e desejando pronto restabelecimento de saúde aos enfermos desta Instituição.

 


Notícias de 23 de janeiro de 2021:

Alegremo-nos com as Comunidades de Santa Eulália, São Vicente, Vila Fernando, Barbacena, Vila Boim e Terrugem pela boa notícia do seu Pároco, Reverendo P. António Carlos Marques da Silva, ter tido alta da sua infeção por Covid-19.

Continuemos a rezar pela Comunidade Paroquial de Santo Antão, em Évora, pelas rápidas melhoras e total restabelecimento da saúde do seu Pároco, Reverendo Cónego Manuel Maria Madureira da Silva, que continua confinado devido à Covid-19.

O Senhor Arcebispo de Évora apela à comunhão de oração com esta Paróquia por tão importante intenção.

Contactos